Expectativas para 2015 na gastronomia brasileira. ~ Forno, Fogão e Cia Consultoria Gastronômica Chiarini Culinary Consultants Brasil

04/01/2015

Expectativas para 2015 na gastronomia brasileira.

2015 começa com boas expectativas para a área da gastronomia no Brasil.
Já no primeiro trimestre temos a notícia confirmada de que o Guia Michelin irá lançar sua versão brasileira, colocando no mapa da gastronomia mundial alguns de nossos melhores talentos.
O Brasil vem conquistando espaços no universo gastronômico, através do trabalho de Chef's como: Alex Atala, Roberta Sudbrack, Alberto Landgraf, Sergio Arno, Morena Leite e no ano passado Helena Rizzo foi eleita a melhor Chef do mundo, depois de ter ganho como melhor Chef da América Latina na categoria Chef feminino em 2013 pela revista britânica "The Restaurant".
Essa projeção da nossa gastronomia, chama atenção não só dos mais renomados meios de publicação do setor, mas também, dos mais famosos Chef"s no mundo inteiro.
Alguns deles já aportaram por aqui antes e comprovaram a qualidade com a qual gastronomia brasileira vem se destacando e formaram parcerias com faculdades, escolas e consultorias na área.
Um exemplo recente foi a união entre a Chiarini Culinary Consultants, comandada pelo renomado Chef Estrela Michelin Gianfranco Chiarini que acaba de lançar mundialmente seu livro Edição de Ouro com a Forno, Fogão e Cia Consultoria Gastronômica do Chef Executivo Marcelo Santos que ocorreu no ano passado e desde então, vem proporcionando ao setor, consultorias especializadas incluindo os mais modernos serviços e certificações.
Ter a atenção desses ícones e das melhores publicações, impulsiona a gastronomia brasileira a alcançar patamares mais altos, melhorando ainda mais a qualidade da comida e dos ingredientes oferecidos ao grande público, que busca obter alimentos saudáveis, frescos e preparados com o que há de melhor, por mãos talentosas e experientes.
Outra boa vertente é trazida pela reeducação que desenvolve uma notável mudança nos hábitos alimentares locais, principalmente nas crianças que estão preferindo comida fresca, leve, saudável ao invés dos fast food's, além disso, há a diminuição do desperdício de alimentos e recursos naturais, tornando mais visível a nossa boa gastronomia.
Ainda falta muito mas, estamos no caminho certo, o Brasil terá a oportunidade de se destacar neste e nos próximos anos, já que estamos na reta final da preparação para as Olimpíadas de 2016, onde o país receberá turistas ávidos por conhecer nosso tempero.